>A luz de cada um

>

“Nosso medo mais profundo não é o de sermos inadequados.

Nosso medo mais profundo é que somos poderosos além de qualquer medida.
É a nossa luz, não as nossas trevas, o que mais nos apavora.
Nós nos perguntamos: Quem sou eu para ser Brilhante, Maravilhoso, Talentoso e Fabuloso?
Na realidade, quem é você para não ser?
Você é filho do Universo.
Se fazer pequeno não ajuda o mundo.
Não há iluminação em se encolher, para que os outros não se sintam inseguros quando estão perto de você.
Nascemos para manifestar a glória do Universo que está dentro de nós.
Não está apenas em um de nós: está em todos nós.
E conforme deixamos nossa própria luz brilhar, inconscientemente, damos às outras pessoas permissão para fazer o mesmo.
E conforme nos libertamos do nosso medo, nossa presença, automaticamente, libera os outros.”

(Nelson Mandela)

6 comentários

  1. Uman said,

    Fevereiro 21, 2010 às 4:29 pm

    >Juli, Amiga eterna!!Somos luz!!Mas temos medo dela.Mandela coloca bem a nossa real grandeza.O interessante mesmo é que nós não queremos isso. Melhor e mais cômodo.Anjo,uma bela semana de luz!!Com amizade,Jorge

  2. ney said,

    Fevereiro 21, 2010 às 6:33 pm

    >Pois é, e depois de tantos anos de prisão e de injustiças sociais, ele ainda nos tráz tanta luz. Viva Mandela!

  3. Mary said,

    Fevereiro 21, 2010 às 8:13 pm

    >"E se fez a Luz…"e a partir do inicio super micro nasce e expande-se o macro, e nós, como tudo que existe, somos filhos desse momento magnífico.Mas há a teoria que num momento a expansão pára e retornaremos a ponto inicial.Por isso não podemos esquecer que a Luz nasceu das Trevas. Talvez venha daí o medo.Do retorno!Bjs

  4. Kelly said,

    Fevereiro 21, 2010 às 9:59 pm

    >Medo o que mais nos cega, e ofusca nosso brilho e nos impede de ver nossas próprias forças. beijos

  5. Fevereiro 22, 2010 às 1:16 am

    >Querida amiga,O mês de fevereiro tem sido uma luta para mim, e o corre-corre não está me deixando vir aqui com a frequência desejada, mas quando tudo se normalizar no mês de março virei com a alegria costumeira a ler e ver todas as novidades por aqui.Beijos, flores e muitos sorrisos… sempre!

  6. Fevereiro 22, 2010 às 3:51 am

    >Julimar MuratDepois de tantas injustiças, de sofrimentos, eis que sempre a figura de luz de Nelson Mandela ressurge sempre sorridente.Sábias palavras.Beijos


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: